Adsense Cabeçalho

PiTacO do PapO! ' Miles Ahead ' - 2016

NOTA 8.0


'Milhas e Milhas à frente'... 
O trocadilho no título original dessa cinebiografia com o nome de uns dos maiores nomes do jazz Norte Americano é de cara muito inteligente:  'Miles Ahead', narra um período conturbado na vida do gênio Miles Davis. Controverso e encrenqueiro , o trompetista foi um dos artistas mais influentes e esteve na vanguarda de quase todos os desenvolvimentos do Jazz desde a Segunda Guerra Mundial até a década de 90. 

Miles Davis (Don Cheadle) chegou ao auge da carreira nos anos 1950, mas em 1974 ele dá uma pausa na carreira para lutar contra o vício em drogas. Ele retorna cinco anos depois e então concede uma entrevista ao jornalista Dave Brill (Ewan McGregor) da revista Rolling Stone. Na vida pessoal, ele se casou com Francis (Emayatzy Corinealdi) por quem se apaixonou praticamente à primeira vista,  mas o casamento também teve problemas. Casos extra conjugais e o ciúme doentio minou a relação do casal. 


Costumo dizer que gênios geralmente são loucos, inconsequentes. Por diversas vezes lemos e vemos histórias de um nome envolvido com a arte que se acabou nas drogas ou em um outro vício qualquer. Felizmente com Miles Davis a história foi um pouco diferente. Após seu retorno, ele continuou fazendo música e só veio a falecer muitos anos depois, em 1991.

Don Cheadle , mais conhecido como o Máquina de Guerra dos Vingadores, além de protagonizar o filme , faz aqui sua estreia na direção.  Para um principiante no cargo, ele fez um ótimo trabalho:  a montagem tem ritmo, cores e a ideia de não se usar a cronologia habitual, como geralmente vemos nesse tipo de produção, é um ponto à favor, além de  gerar interesse sobre o momento atual em que o filme se passa e o início da carreira o artista. Claro;  é perceptível que o filme não chega perto do que esse grande ícone foi, mas se analisarmos somente o momento abordado, certamente ele cumpre seu papel a contento. 



Vale Ver ! 

Nenhum comentário