Adsense Cabeçalho

PiTacO do PapO! 'Boi Neon' - 2016

NOTA 8.7

'Boi Neon' estreou nos cinemas em janeiro desse ano,  mas só agora foi possível conferir essa obra. O filme dirigido pelo pernambucano Gabriel Mascaro (de 'Ventos de Agosto' - 2014) foi o vencedor do Prêmio do Júri da Mostra Horizontes do Festival de Veneza 2015 e passou por pouquíssimas salas por aqui.  É óbvio que esse longa não é mesmo para as massas, mas ainda sim esse tipo de produção sofre com a péssima distribuição dentro do próprio país , que por vezes é causado pela falta de interesse do público, já que brasileiro não costuma muito valorizar o que é seu...infelizmente.


Na história Juliano Cazarré é  Yremar (com 'Y' pra ficar mais chique segundo ele) ,um vaqueiro de curral que viaja pelo Nordeste, ao lado de Galega (Maeve Jinkings) e a pequena Cacá (Alyne Santana). Por onde passa Yremar recolhe revistas, panos e restos de manequins, já que seu grande sonho é largar tudo para iniciar uma carreira como estilista no Pólo de Confecções do Agreste.

Acredito mesmo que fazer cinema é muito mais do que apresentar uma boa história que convença o espectador , que provoque risos ou lágrimas... fazer cinema é apresentar ideias que incitam debates e discussões, e que por sua vez abrem horizontes. Assim é 'Boi Neon' que pode até ser simplório demais em sua construção e desenvolvimento , mas que provoca questionamentos e o melhor, provoca a quebra de paradigmas...de tabus. Esses detalhes podem ser facilmente notados através da apresentação dos personagens: desde a mulher que é a única entre uma equipe de homens e que ainda por cima dirige  um caminhão de bois,  ou uma grávida que busca prazer (olha aí indícios também de empoderamento feminino) até o vaqueiro que quer ser estilista ou ainda aquele que usa chapinha nos cabelos compridos e rebeldes. O mais interessante disso tudo é que não existe nenhum clima de hostilidade, tudo e todos convivem em perfeita harmonia, ainda que tudo tendesse a caminhar para a gozação dado ao ambiente machista e rude. 

O filme de Mascaro é tipo aquela luz  no fim do túnel entre os besteiróis e thrillers 'mais do mesmo' no cenário do cinema nacional. O que ele propõe, assim como a construção dos personagens, fala mais alto e é um grito de ensurdecer até os ouvidos mais fechados.
Se trata de uma mensagem direta e clara para todos aqueles que insistem em não entender que o mundo hoje é outro,  e que tabus foram feitos para serem quebrados. 
'Neon Bull' (título internacional) , rodou o mundo e arrancou aplausos por onde passou.





Vale Ver ! 



Nenhum comentário